Última Hora

• Nenhum artigo encontrado
Selecção Colombiana Chega ao Brasil

A selecção colombiana no coração de todos os colombianos

E porque “futebol e pátria estão sempre ligados”, como escreveu o escritor uruguaio Eduardo Galeano, as FARC, Fuerzas Armadas Revolucionarias de Colombia – Ejército del Pueblo, também se quiseram juntar à festa popular que é o futebol, e o Campeonato do Mundo em especial, e enviaram uma mensagem, muito sentida, à selecção colombiana, que vai estar no Brasil a representar todo um povo, a desejar sucesso e glória. Esta mensagem foi enviada pela delegação que está em Havana, capital de Cuba, a negociar um acordo de paz com uma representação governamental.

Na mensagem enviada pela delegação, mas em nome de todo o grupo armado revolucionário, ainda se mandava um abraço, força e inteligência para os representantes do povo, nas pessoas do seu capitão Mario Alberto Yepes, e do seleccionador José Pékerman.

Isto é sinal de um bom entendimento e de um caminho de paz a que a Colômbia se propõe percorrer, depois de muito anos de um estado de quase guerra civil, com as FARC, por um lado, e os cartéis da droga por outro. Finalmente vislumbra-se um outro futuro.

Futuro, que é o que está a viver, por estes dias, a Selecção da Colômbia, de regresso ao convívio entre os grandes, depois de uma ausência de 20 anos das fases finais de um Campeonato do Mundo. A sua última participação foi em 1994, no Campeonato do Mundo dos Estados Unidos, e não deixou nem grandes nem boas memórias. Perdeu por 3 a 1 com a selecção romena, perdeu por 2 a 1 com a selecção norte americana e ganhou 2 a 0 à selecção suíça, mas que se revelou pouco para continuar em prova, já que foi a última do grupo, e a única a não passar à fase seguinte.

Agora, no Grupo C de apuramento, na companhia das selecções da Grécia, da Costa do Marfim e do Japão, um grupo muito equilibrado, a selecção colombiana tem todas as possibilidades de lutar pela continuidade na prova. E tudo começa já a decidir-se  no próximo dia 14 de Junho, quando os colombianos enfrentarem os helénicos, no Estádio Mineirão, em Belo Horizonte.

Adeptos da Colômbia no Rio de Janeiro

Os adeptos da Colômbia sentem-se no topo do mundo

E como disse recentemente José Pékerman, o seleccionador colombiano, a Colômbia tem vindo com muita vontade e tem grandes jogadores para fazer um bom papel e acredita que tudo que têm vindo a fazer, vai ajudá-los a obter bons resultados. Mesmo com as ausências muito sentidas de Radamel Falcao e Aldo Ramírez, José Pékerman considera que a sua equipa é muito jovem e cheia de vontade de fazer coisas bonitas.

Vamos a isso, Colômbia.

Fordham institute, with its flypaper writemyessay4me.org/ write my essays blog

Outros Artigos Recomendados

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *