Última Hora

• Nenhum artigo encontrado
xabi alonso kick

A vida depois da derrota

A derrota por 5-1 frente à Holanda, na passada sexta-feira, deixou marcas quer nos jogadores, quer nos elementos técnicos da Espanha que nunca haviam imaginado tal pesadelo. Sendo sabido que o guarda-redes Iker Casillas teve culpas avultadas em quase todos os golos holandeses, esta não é desculpa para a derrota humilhante da campeã do Mundo em título, tendo todos os jogadores a perfeita noção que terão que fazer muito mais frente ao Chile.

Remetidos à 4ª e última posição do Grupo B deste Campeonato do Mundo, os espanhóis vêm-se agora obrigados a conseguir dois bons resultados nos próximos dois jogos, frente ao Chile e à Austrália, para que possam manter as esperanças numa passagem aos oitavos de final da prova. Sendo o futebol espanhol conhecido pelo impossível e implacável Tiki-Taka, alguns atletas vieram já mostrar algumas criticas e esse tipo de jogo que procura levar a bola à baliza com sucessões insanas de passes. Um deles foi mesmo o ex-Barcelona Cesc Fabregás que, não menosprezando o estilo de jogo por eles praticado, afirmou que a equipa precisa de “atacar, atacar e atacar”, referindo-se em especial à procura de alvejar a baliza na vez de tentar o passe. Xabi Alonso, jogador do Real Madrid, foi também um dos que deu a cara pela equipa, reiterando também ele a necessidade de procurar o golo por parte de La Roja, acrescentando ainda a necessidade de maior verticalidade, agressividade e intensidade no jogo praticado pela Espanha.

Para além destas questões tácticas, as atenções de Vicente del Bosque viram-se agora também para o extremo Pedro. O jogador ficou queixoso depois de uma disputa de bola com Juanfran durante um treino, tendo este incidente motivado de imediato o fim dos exercícios com bola. Pedro mostrou já ao longo da sua carreira ser um grande jogador, e tendo em conta as necessidades de mudança que se verificam por toda a equipa, é um dos fortes candidatos a um lugar no onze titular diante do Chile.

A Espanha debate-se com o Chile no Estádio do Maracanã pelas 8h da noite, hora de Lisboa, da próxima quarta-feira, 18 de Junho, sendo este um jogo fulcral para que a seleção espanhola não se junte ao grupo restrito de três seleções que abandonaram o Mundial na fase de grupos sendo detentoras do título. Foram elas Brasil, Itália e França.

The interaction of adjusting tabulated data is still a little fiddly, especially if you’re new to it, as there is no help information within the app on how www.cellspyapps.org best to do it

Outros Artigos Recomendados

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *