Última Hora

• Nenhum artigo encontrado
adeptos chilenos2

Chilenos invadiram Maracanã

adeptos chilenos

Adeptos chilenos na área de imprensa

Ontem, o jogo do Chile contra a Espanha começou com um dos piores capítulos do Mundial de Futebol. Os adeptos chilenos que não tinham bilhete para assistir ao jogo, invadiram Maracanã através da área de imprensa, uma hora antes do jogo começar. Foram por volta de 100 adeptos chilenos que forçaram uma das grades que cercava o estádio, causado imensa confusão e destruição na zona onde os jornalistas se encontravam. Destruíram a porta principal com o objectivo de chegarem as bancadas. No entanto, o grupo de adeptos chilenos foi controlado pelos seguranças privados que conseguiram deter todos os adeptos descontrolados.

O grupo depois de partir uma das grades, conseguiu chegar à área de estacionamento, onde os jornalistas se encontram a trabalhar, e por de trás de várias divisórias existe um acesso ao estádio. Os seguranças conseguiram dominar o grupo, mandaram os adeptos sentarem-se no chão e depois foram mobilizados por policias do “Grupamento Especial de Policiamento em Estádios”.

Um dos funcionários do Comité organizador do local já tinham informado que os adeptos chilenos circulavam na área já há algum tempo. Contudo, não tinham ainda mostrado intenções de invadirem o estádio, no entanto, a estratégia já estava estudada. Alguns dos adeptos fingiram precisar de atendimento médico, de forma a distrair as autoridades presentes no local, e abriu espaço para os restantes adeptos entrarem na zona de imprensa.

adeptos chilenos

Adeptos Chilenos perto de chegar às bancadas

A policia federal descreveu o acontecimento como algo violento na forma como os adeptos chilenos invadiram o estádio. Os adeptos foram detidos antes de conseguirem chegar ás bancadas e a situação foi rapidamente controlada. Cerca de 85 invasores foram detidos pelos policia militar e a organização do Campeonato do Mundo da Fifa condena tais actos e diz que vai tomar medidas em breve. Ainda ontem a policia federal comunicou que os adeptos chilenos que invadiram o estádio terão 72 horas para deixar o país. No caso de a ordem não ser cumprida, os adeptos serão deportados do Brasil. Na primeira informação recebida pela policia federal eram 85 adeptos detidos, no entanto, o número mais recente anunciado é de 88 adeptos, incluindo um mulher.

Segurança máxima para o jogo decisivo entre o Uruguai e a Inglaterra

Devido a esta invasão, a policia militar de São Paulo ficou em alerta para o confronto decisivo de hoje entre o Uruguai e a Inglaterra, que será Arena Corinthians. Hoje de manhã, bem antes do apito inicial para o jogo de hoje, cerca de 200 homens da policia procederam a uma varredura à volta do estádio e retiraram todas as pessoas da área que não tivessem bilhete ou credencial.

O coronel Tardelli, da Polícia Militar, disse terem tudo sob controlo para o jogo de hoje. O estádio estará cercado para evitar qualquer tipo de problema ou confusão às pessoas que vêm ao estádio assistir ao jogo. Sabendo do que aconteceu no Maracanã, tomaram medidas necessárias e a possibilidade de isso acontecer é muito reduzida.

Defenders of the theory of evolution who are reasserting their best admission essay writing service religious convictions, she said, are missing the point

Outros Artigos Recomendados

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *