Última Hora

• Nenhum artigo encontrado
Selecção da Grécia 2014

Os Convocados da Grécia

Começa nova semana e, depois de um fim-de-semana onde terminaram muitas épocas futebolísticas, por exemplo, em Portugal, lá começam a cair as listas definitivas dos 23 convocados para o Campeonato do Mundo de 2014, no Brasil.

O primeiro da semana a divulgar a lista definitiva é o seleccionador da Grécia, o português Fernando Santos.

E assim, a lista do 23 eleitos para a selecção grega é composta por:

Guarda-Redes – Orestis Karnezis (Granada), Panagiotis Glykos (PAOK), Stefanos Kapino (Panathinaikos);

Defesas – Kostas Manolas (Olympiakos), José Holebas (Olympiakos), Sokratis Papastathopoulos (Borussia Dortmund), Vangelis Moras (Verona), Giorgos Tzavellas (PAOK), Loukas Vyntra (Levante), Vasilis Torosidis (Roma);

Médios – Alexandros Tziolis (Kayserispor), Andreas Samaris (Olympiakos), Giannis Maniatis (Olympiakos), Kostas Katsouranis (PAOK), Giorgos Karagounis (Fulham), Panagiotis Tachtsidis (Torino), Giannis Fetfatzidis (Genoa), Lazaros Christodoulopoulos (Bolonha), Panagiotis Kone (Bolonha);

Avançados – Dimitris Salpingidis (PAOK), Giorgos Samaras (Celtic), Kostas Mitroglou (Fulham), Fanis Gekas (Konyaspor).

Fernado Santos apresenta, assim, sem grandes surpresas, a lista de convocados para o Mundial do Brasil mais próxima da lista de Prováveis Convocados do Mundial Futebol.

Poucas alterações a uma estrutura que já se adivinhava mais ou menos igual, se tivermos em atenção a tendência conservadora do treinador português. Assim, na baliza há uma das poucas alterações, optando Fernando Santos por deixar de fora Michail Sifakis, do Aris de Salónica, e escolhendo Panagiotis Glykos. Na defesa, escolheu menos um jogador que o Mundial Futebol, acabando por prescindir de 2 jogadores, sendo que um deles transitou para a lista de meio-campo, e acrescentando só mais 1. Assim, Fernando Santos prescindiu de de Dimitrios Siovas, do Olympiacos, por lesão grave que sofreu no início do anos, e de Giannis Maniatis, também do Olympiacos, que transitou para a lista do meio-campo. E acrescentou Vangelis Moras. No meio-campo, optou por um número maior de convocados que o Mundial Futebol tinha previsto. Só deixou de lado Sotiris Ninis, do PAOK, por empréstimo do Parma, e acrescentou Giannis Fetfatzidis e Panagiotis Kone, para além da transição da defesa de Giannis Maniatis. No ataque, Fernando Santos leva menos um jogador, deixando de fora o jovem Konstantinos Fortounis, do Olympiacos.

Kostas Mitroglou

Kostas Mitroglou é a grande estrela da Grécia

Esta é uma selecção bastante virada para o ataque, mas com grande apoio do meio-campo. A selecção grega está inserida no Grupo C, juntamente com a Selecção da Colômbia, a Selecção da Costa do Marfim e a Selecção do Japão. Não sendo selecções de primeiro plano, podem ser equipas tremendamente difíceis de superar.

Fernando Santos, que irá deixar a Selecção da Grécia no final do Campeonato do Mundo, terá a vontade de fazer o melhor possível. E se o grupo onde está, é passível de ser ultrapassado, quererá ir o mais longe possível. E daí, parece-nos, a grande aposta no meio-campo, a área que mais povoa o campo.

On the first day the new congress was in session, buy papers online to www.buyessayonline.ninja u

Outros Artigos Recomendados

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *