Última Hora

• Nenhum artigo encontrado
Inler

Ramadão: Uma questão de bom senso

Muito se têm especulado sobre a questão do jejum de alguns jogadores muçulmanos, a propósito do Ramadão, no Mundial 2014, no Brasil. De facto, algumas selecções, como a Selecção da Argélia, por exemplo, preferiram não responder a questões relacionadas com o Ramadão quando o tema foi abordado nalgumas conferências de imprensa. A Selecção da Suíça, no entanto, apesar de se ter esquivado tanto quanto pôde às mesmas questões, parece ter sido mais aberta a responder aos jornalistas. Behrami e Inler – ambos seguidores da religião que os obriga a fazer jejum já a partir de dia 28 – também mostraram pouco à vontade sobre o tema, ainda assim não deixaram de responder aos jornalistas, onde afirmaram que, por se tratar de uma situação excepcional, e exigir um enorme esforço físico, seria bastante complicado e até perigoso jejuar do amanhecer ao entardecer, durante o período religioso, até que fossem eliminados ou vencessem o Campeonato do Mundo. No entanto, os dois garantiram que após a competição, irão respeitar os costumes da sua religião e seguir com o jejum. Para além dos dois avançados, também Shaqiri segue a religião.

“(…) Especialmente com o clima daqui, muito calor, temos mesmo que repor energia. Temos de estar bem. Comer e beber é importante neste momento. Respeitamos o Ramadão, mas vamos  jejuar apenas depois do Campeonato do Mundo, agora não é o momento.”- afirmou Behrami.

Apesar, entre os dois, ter sido o que mais ficou incomodado com as questões, também o capitão da Suíça concordou com o colega de equipa.

“Há outras coisas mais importantes para se falar agora. Eu não acho que seja boa altura para falar sobre o Ramadão. Temos outras prioridades agora, estamos a jogar futebol, e tudo tem de estar perfeito. Eu acho que ninguém na equipa vai seguir o Ramadão neste momento.” – disse.

A Selecção da Suíça enfrenta a Argentina já amanhã, pelos oitavos de final do Campeonato do Mundo. O jogo terá lugar em São Paulo, na Arena Corinthians, às 13h (horário do Brasil).

Mayer, the president of watch full review scholastic education, called the results extremely positive

Outros Artigos Recomendados

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *