Última Hora

• Nenhum artigo encontrado
Rússia vs Israel

Resumo: Rússia – Israel

Defrontaram-se esta tarde a Rússia e Israel num jogo a contar para a qualificação para o Mundial 2014 que aconteceu no Estádio Petrovsky, casa do Zenit St. Petersburg. Este foi um jogo decisivo para ambas as equipas em campo e para Portugal que tinha a sua qualificação dependente do resultado desta partida.

Primeira Parte

A partida iniciou-se às 16 horas em Portugal, 19 na Rússia e teve uma primeira parte com pouca história, com ambas as equipas a procurarem não sofrer ao invés de marcar. Apesar do maior domínio de posse de bola pelos russos, as oportunidades foram divididas por ambas as balizas, primeiro aos 21 minutos, pela Rússia e já mais tarde, à passagem dos 43 minutos o Israel, também de cabeça levou muito perigo às redes defendidas por Akinfeev. Estas foram as únicas jogadas merecedoras de destaque nesta primeira parte em que nenhuma das equipa mostrou claramente vontade de vencer.

Segunda Parte

russia festeja

A Rússia foi a equipa mais feliz esta tarde no estádio Petrovsky

A segunda parte foi bem diferente da primeira. Logo aos 45 minutos Fabio Capello mexeu na equipa fazendo entrar Dzagoev e Glushakov para os lugares de Denisov e Faizulin. Estas alterações tiveram impacto imediato na partida e logo aos 49 minutos Berezutskiy, num lance de sorte, faz o 1-0 para a Rússia. Os russos não tiraram o pé do acelerador e apenas três minutos depois foi Alexander Kokorin quem facturou. Uma boa jogada da equipa russa e Kokorin de fora da área fuzilou, sem hipóteses para Aouate.

Daí em diante a Rússia manteve-se no controlo da partida, cingindo Israel ao seu meio campo. A pressão russa iria resultar, ao minuto 73 num penalti, provocado por mão na bola que seria defendido por Aouate mas na recarga o guardião israelita já nada pôde fazer para parar o remate de Glushakov.

Finalmente ao minuto 86 o Israel volta a aparecer na partida, mas o remate de Rafaelov saiu ao lado da baliza russa. A Rússia respondeu bem e Kerzhakov, à passagem do minuto 88 podia ter feito o 4-0, mas mais uma vez faltou inspiração ao avançado russo que rematou ao lado.

Já a terminar a partida Israel, pela cabeça de Zahavi, a reduzir o marcador para 3-1 depois de um cruzamento bem executado por Davidzada.

Conlusão

Com este resultado a Rússia passa a depender apenas de si mesma para se qualificar para o Mundial’14, ficando assim na liderança do Grupo F com 18 pontos, mais um que Portugal e o mesmo número de jogos. Para Israel o cenário é bem diferente, já que com esta derrota morre também qualquer hipótese de os israelitas se qualificarem para a prova rainha da FIFA, para onde apenas se classificaram na edição de 1970.

https://www.paper-writer.org college paper writer

Outros Artigos Recomendados

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *