Última Hora

• Nenhum artigo encontrado
Selecção das Honduras

Selecção das Honduras

A selecção de futebol das Honduras será, por ventura, das selecções menos reconhecidas de todas as que vão estar no Campeonato do Mundo de 2014, no Brasil.

Mesmo que seja uma selecção que está em 42º no Ranking da FIFA, numa lista com mais de 200 selecções.

A culpa aqui não é unicamente do desconhecimento da selecção das Honduras, mas do futebol que existe na América Central e Caraíbas. Espartilhados entre o México e os Estados Unidos a norte, e o Brasil, a Argentina e o Uruguai a sul (entre inúmeras outras selecções), que produzem grandes quantidades de emigrantes futebolísticos que enchem a Europa, a América Central acaba por ser um parente pobre desta gente. Países pequenos, com pequenas economias, fazem um brilharete de vez em quando, mas não têm estruturas nem campeonatos nacionais suficientemente competitivos para elevar os jogadores de futebol à glória galáctica como outros países de outras latitudes. De vez em quando lá vem alguém que sobressai e dá nas vistas e é trabalhado por algum clube europeu de nomeada, mas será pouco para por as selecções no mapa.

História da Selecção

A primeira participação da selecção hondurenha de futebol num Campeonato do Mundo acontece em 1982, no Mundial de Espanha. E na primeira vez que consegue a qualificação, a selecção das Honduras só não faz uma surpresa por puro azar. É certo que foi logo eliminada na fase de grupos, com dois empates e uma derrota. Que só marcou 2 golos e sofreu 3. Mas entre o quarto lugar das Honduras e o primeiro da Irlanda do Norte distam apenas 2 pontos. Dois pontos. Ora, as Honduras empataram a 1 golo com as selecções de Espanha (a equipa da casa) e da Irlanda do Norte – as duas selecções que se apurariam para a fase seguinte. Depois perdeu com a Jugoslávia que, tal como as Honduras foi eliminada. A Espanha perdeu com a Irlanda do Norte, que empatou com a Jugoslávia, que ganhou às Honduras. Em primeiro lugar passou a Irlanda do Norte com uma vitória e dois

Federacion Nacional Autonoma de Fútbol de Honduras

A Federacion Nacional Autonoma de Fútbol de Honduras foi criada em 1951

empates e quatro pontos. Em segundo lugar passou a Espanha com uma vitória, um empate e uma derrota, o mesmo que a Jugoslávia, que ficaria em terceiro lugar e seria eliminada, mas com mais um golo marcado. Depois ficaria as Honduras com dois pontos e pontuando frente às selecções apuradas. É azar. Ou falta de sorte.

Mas depois deste quase feito, as Honduras não voltaram a qualificar-se para outra fase final de um Campeonato do Mundo de Futebol, até que, em 2010, 28 anos depois de Espanha, e depois de muitas insistências, as Honduras conseguem, finalmente, voltar  apurar-se para um Mundial, o da África do Sul.

Mas não foi um bom Mundial para a selecção hondurenha. Grupo H, de novo com a Espanha como adversário, a que se juntaram, também, Chile e Suíça. Pois, em três jogos, um empate e duas derrotas. Um ponto somado, nesta inicial fase de grupos. Zero golos marcados e três sofridos. De malas aviadas quase sem as ter aberto.

Talvez para compensar esse mau Campeonato do Mundo, a selecção das Honduras não voltou a esperar mais 28 anos por outro Mundial. Quatro anos depois, aí está, apurada para o Campeonato do Mundo do Brasil, em 2014.

Para isso as Honduras teve de, na terceira fase de qualificação da zona da América do Norte, Central e Caribe, levar de vencida o Panamá, o Canadá e Cuba. Ficou em primeiro lugar com conjunto com o Panamá, mas beneficiou de melhor diferença de golos. Depois, na quarta fase de apuramento, ficou em terceiro lugar, atrás dos Estados Unidos da América e da Costa Rica, o que lhe permitiu o apuramento directo e relegar para uma quinta fase de apuramento a selecção do México que teve de defrontar a Nova Zelândia, e vencer, para conseguir a qualificação.

Para além das três participações em Campeonatos do Mundo, as Honduras ainda tem no seu historial uma participação na Taça América, ocupando o lugar da selecção da Argentina que desistira. A selecção hondurenha aproveitou bem essa benesse, ao terminar a prova em terceiro lugar e tendo, ainda, eliminado o Brasil nos quartos-de-final por 2 a 0, indo, depois, perder pelo mesmo resultado com a Colômbia nas meias-finais. Por último, na atribuição do terceiro e quarto lugar, conseguiu vencer a selecção uruguaia na marca de grandes penalidades, depois de um empate a 2 golos no tempo regulamentar.

Treinador

Luis Fernando Suárez é um dos três treinadores colombianos que vão marcar presença no Campeonato do Mundo de 2014 no Brasil. Com Jorge

Luis Fernando Suárez

O colombiano Luis Fernando Suárez é o seleccionador hondurenho

Luis Pinto à frente da selecção costa-riquenha e Reinaldo Rueda à frente da selecção equatoriana, Luis Fernando Suárez, com a selecção hondurenha, perfaz o tridente colombiano de assalto a uma boa classificação no Mundial.

Antigo defesa central que dedicou a sua vida como jogador profissional a dois únicos emblemas da Colômbia, o Atlético Nacional e o Deportivo Pereira, despediu-se do futebol enquanto jogador depois de ganhar a Taça Libertadores da América ao serviço do Deportivo. Depois, encetou a sua segunda vida, agora como treinador.

Passou alguns anos como treinador assistente nas selecções do Equador – onde voltaria uns anos mais tarde para liderar um projecto que chegaria aos oitavos-de-final no Campeonato do Mundo de 2006 na Alemanha – e da Colômbia. Passou então por vários clubes colombianos, equatorianos e ainda um clube peruano até que, em 2011, foi convidado para comandar a selecção hondurenha à conquista da qualificação para o Campeonato do Mundo de 2014 no Brasil, o que conseguiu.

Agora, o céu é o limite. É verdade que a selecção das Honduras não tem poder nem estrutura para ir muito longe no Mundial. Mas uma boa prestação na fase de grupos será já uma vitória. E tendo pela frente as selecções de França, da Suíça e do Equador poderá permitir sonhar.

Prováveis Convocados

Guarda-redes – Noel Valladares, Kevin Hernández, Donis Escober;

Defesas – Emilio Izaguirre, Brayan Backeles, Maynor Figueroa, Víctor Bern´rdez, Juan Garcia, Juan Montes, Osman Chávez;

Médios – Roger Espinoza, Andy Najar, Oscar Garcia, Luis Garrido, Wilson Palacios, Martin Chávez, Nery Medina, Jorge Claros, Edgar Álvarez;

Avançados – Carlo Costly, Georgie Welcome, Jerry Palacios, Jerry Bengtson.

As Estrelas

Esta será, provavelmente, uma das selecções com maior número de jogadores a jogar em equipas da casa.

No entanto, começa a ser já considerável o número de jogadores a romper a dificuldade de se afirmar noutros campeonatos. Tendo como destino

Carlo Costly

Carlo Costly é a referência do ataque das Honduras

prioritário os Estados Unidos, outros campeonatos começam já a aparecer no horizonte. México, Polónia, Roménia, Grécia e Inglaterra começaram a ser destinos para alguns dos jogadores hondurenhos que se começam a destacar e a despertar a cobiça de outros campeonatos.

Jogadores como os defesas Emilio Izaguirre, a jogar no Celtic de Glasgow e Maynor Figueroa, a jogar no Hull City ou os médios Roger Espinoza, a jogar no Wigan e Andy Najar, a jogar no Anderlecht, são já alguns nomes com dimensão global. O caso do médio Edgar Álvarez, que jogou em nada menos que sete clubes italianos, tendo começado a sua internacionalização com o Peñarol, do Uruguai, são exemplos de que o futebol hondurenho começa a despertar o interesse de outros campeonatos, ao mesmo tempo que começam a nascer figuras de destaque no futebol das Honduras.

Mas a grande figura desta selecção é o veterano avançado Carlo Costley. Filho de outra referência do futebol hondurenho, o defesa Anthony Costley, Carlo, um verdadeiro globetrotter, que jogou nos Estados Unidos e no México, na Polónia, na Roménia, na Grécia e na China, tendo atingido o seu zénite quando foi jogador do Birmingham, é o melhor marcador desta selecção.

Jogador possante, de remate fácil e seguro, é um excelente matador. Com boa capacidade de finta e passe certeiro, Carlo Costley, de 33 anos, é a grande esperança da selecção hondurenha conseguir fazer coisas bonitas no Campeonato do Mundo de 2014.

Equipamentos

Honduras A 2014 Honduras B 2014

We will share details of this the blog when it has been finalized

Outros Artigos Recomendados

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *